PRESOS INDIVÍDUOS QUE MATARAM TAXISTA EM ARAPONGAS

12/02/2013 13:44

Em menos de 12 horas equipes das polícias Civil e Militar de Arapongas localizaram e prenderam os autores do latrocínio (roubo seguido de morte) que vitimou o taxista Nelom Antonio de Souza de 39 anos, na manhã de segunda-feira (11).

Logo após a consumação do crime, um grande aparato policial (mais de 30 pessoas) comandado pelo capitão Vilson Laurentino da Silva e o delegado Pedro Lucena foi montado com o objetivo de localizar e prender os assassinos do taxista.

Com apoio do helicóptero do Grupamento Aeropolicial e Resgate Áereo(GRAER), foi realizada uma varredura pela região do município de Sabáudia, em estradas rurais, sítios e fazendas na tentativa de localizar os suspeitos do crime.

Por volta das 22h30, um morador da região do Conjunto Tropical, em Arapongas, informou via fone 190 que três rapazes com as mesmas descrições dos suspeitos de autoria do latrocínio haviam acabado de passar por ele a pé, tomando o rumo da PR-444, próximo aon pontilhão de acesso a PR 218.

Em seguida uma equipes da Rotam, comandadas pelos sargentos Santana e Aldair, foram até o local e fizeram a detenção dos três suspeitos de assassinar o taxista e apreenderam a arma usada no crime (um revólver calibre 22), que estava escondida em matagal à margem da rodovia.

Abner Natan Izidoro, de 20 anos, E. J. A., de 17 anos, e M. H. S. da S., 15 , foram encaminhados à 30ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Arapongas e enquadrados legalmente por latrocínio.


Com informações do Jornal de Arapongas