APPLE LANÇA NOVOS IPHONES IPAD E APPLE TV NOS ESTADOS UNIDOS

APPLE LANÇA NOVOS IPHONES IPAD E APPLE TV NOS ESTADOS UNIDOS

Em um evento bastante aguardado por fãs e concorrentes, a Apple anunciou nesta quarta-feira (9) uma série de novidades para os seus dispositivos móveis. O iPad ganhou uma irmão maior, voltado à produtividade, o iPad Pro, enquanto a Apple TV foi finalmente modernizada com a chegada da Siri, a assistente inteligente que funciona por comando de voz, presente em um novo controle remoto.

Os tão esperados iPhones com tecnologia de Force Touch também foram anunciados. Tanto o iPhone 6S quanto o iPhone 6S Plus possuem essa inovação, herdada da linha Mac, e que a Apple está chamando de 3D Touch. Em termos gerais, o Force Touch reconhece a pressão que o usuário faz na tela, abrindo novas possibilidades de uso.

Grande parte das novidades chegam em outubro, como tvOS, o sistema operacional da Apple TV. O já anunciado iOS 9, que dentre as atualizações estão aquelas que aproveitam o Force Touch dos novos iPhones, chega no dia 16 de setembro. Os novos smartphones chegam às lojas da Apple, não do Brasil, no dia 25 de setembro. 

iPad Pro tem tela Retina de 12,9 polegadas
AP Photo/Eric Risberg
iPad Pro tem tela Retina de 12,9 polegadas

iPad Pro

Um dos destaques da apresentação da Apple foi o mais do que esperado iPad Pro, isto é, uma versão voltada à produtividade do mais bem-sucedido tablet do mercado. Com tela de Retina de 12,9 polegadas e apenas 6,9 mm, o iPad Pro pode vir acompanhado de dois acessórios: o Smart Keyboard, um teclado inteligente que funciona também como capa, e a Apple Pencil, uma caneta inteligente que permite que o usuário escreva e desenhe na tela. Com o teclado, a Apple apresenta mais uma novidade: um conector magnético que elimina a necessidade de pareamento Bluetooth ou de carregador para o acessório. Bastá conectá-lo no iPad Pro que ele começa a funcionar.

Por dentro, o iPad Pro traz a nova versão do processador de arquiterura 64 bit, o A9X, bateria com 10 horas de duração, quatro alto-falantes, conectividade Wi-Fi e 4G (opcional), câmera de 8 megapixels e Touch ID, tecnologia de leitor de impressão digital. Dentre os vários parceiros de conteúdo apresentados no evento estão a Microsoft, cujos programas de produtividade (leia-se, Office) serão suportados, e a Adobe, com soluções de programas para imagens.

O iPad Pro custará, nos Estados Unidos, a partir de US$ 799 (cerca de R$ 3 mil), a versão com 32 GB. A versão com 128 GB e Wi-Fi chegará por R$ 949 (R$ 3.600), enquanto a versão com 128 GB , Wi-Fi e conectividade 4G custará US$ 1.079 (aproximadamente R$ 4.100). E, com a chegada do iPad Pro à família, a Apple colocará no mercado uma versão atualizada em hardware do iPad Mini, o iPad Mini 4, por US$ 399 (R$ 1.500) nos Estados Unidos. 

Os acessórios próprios também tiveram os preços divulgados: US$ 99 (cerca de R$ 340) a Apple Pencil, e US$ 169 (em torno de R$ 650) o Smart Keyboard.

Nova Apple TV tem um sistema operacional próprio, o tvOS, e um controle remoto com painel sensível ao toque e acesso a Siri, assistente que funciona por comando de voz
Divulgação
Nova Apple TV tem um sistema operacional próprio, o tvOS, e um controle remoto com painel sensível ao toque e acesso a Siri, assistente que funciona por comando de voz

Apple TV

A Apple TV, dispositivo que transforma qualquer TV em uma televisão inteligente, foi finalmente modernizada. Uma das novidades é o sistema operacional, criado com base no OS e chamado de tvOS, plataforma que dá ao equipamento mais flexibilidade, uma vez que desenvolvedores poderão criar apps e colocá-los na App Store.

Outra novidade é a presença da Siri, a assistente inteligente que funciona por comando de voz, na Apple TV. A assistente pode ser acionada pelo controle remoto, que também foi atualizado, trazendo agora um painel sensível ao toque para o usuário navegar, além de um botão exclusivo para chamar a Siri.

Com a chegada do novo sistema operacional, a interface da Apple TV também foi remodelada, e com ajuda da Siri na busca, o usuário consegue encontrar o conteúdo que deseja independemente da fonte. Isto é, não precisa entrar em cada aplicativo para procurar um filme. A própria Apple TV faz isso e mostra o resultado já com as possíveis fontes para o usuário: Netflix ou iTunes, por exemplo. A Apple TV também terá aplicativos de moda, para os usuários comprarem roupas direto da TV, além de jogos que funcionam com o próprio controle remoto do dispositivo, e, é claro, integração com o Apple Música, serviço de streaming da companhia.

A nova Apple TV começa a ser vendida em outubro por US$ 149 (cerca de R$ 560) a versão de 32GB, e US$ 199 (em torno de R$ 750) o modelo de 64GB.

iPhone 6S e iPhone 6S Plus

A Apple também anunciou a versão S dos seus últimos iPhones: iPhone 6S e o iPhone 6S Plus, ambos com tecnologia de Force Touch, ou, como a Apple preferiu chamar, 3D Touch. Essa tecnologia reconhece a pressão que o usuário faz na tela, entregando novas formas de interagir com o sistema operacional e também com aplicativos.

Além da esperada inovação, a Apple fez algumas atualizações no hardware do iPhone como no processador, que agora é um A9 de 64-bit com M9, e no leitor de digital, o Touch ID, que chegou a versão 2.0. A principal novidade, entretanto, ficou no conjunto de câmeras. A traseira finalmente terá 12 megapixels e capacidade para fazer vídeos em 4K, enquanto a frontal foi atualizada para 5 megapixels e recebeu um novo flash, chamado pela Apple de Retina Flash.

Os novos chegam a vários países no dia 25 de setembro. O iPhone 6S custará a partir de US$ 199 (cerca de R$ 750)  a versão de 16 GB, e US$ 299 (em torno de R$ 1.100) a versão de 64 GB, com um ano de contrato em uma operadora norte-americana, vale lembrar. Já o iPhone 6S Plus chegará a partir de US$ 299 (cerca de R$ 1.100) a versão de 16 GB, a de 64 GB por US$ 399 (aproximadamente R$ 1.500) e a de 128 GB US$ 499 (cerca de R$ 1.800). As novas versões também estarão disponíveis em quatro cores: dourado, prateado, cinza espacial e, a novidade, dourado rosa.

Apple Watch

Junto ao iOS 9, chega também o WatchOS 2, a segunda versão do sistema operacional da Apple para seu relógio inteligente. Além de novas funções e de suporte a novos aplicativos, o Apple Watch ganhou uma versão feita pela marca de roupas Hèrmes. Novas cores de caixa e pulseiras para a versão esportiva também forma anunciadas.