CADELINHA ESPERA EM FRENTE DE HOSPITAL O DONO QUE JÁ MORREU

CADELINHA ESPERA EM FRENTE DE HOSPITAL O DONO QUE JÁ MORREU

Uma cadelinha vira-lata se tornou famosa em Barra do Bugres, a 169 km de Cuiabá, após passar semanas na recepção do hospital municipal à espera do dono, que havia sido internado no local com muita falta de ar. Em estado grave, o dono da cadela, Antônio Nobre, precisou ser transferido para um hospital da capital e morreu no final de dezembro de 2015.

Segundo os funcionários do hospital, mesmo após a morte do dono – que foi enterrado em Cuiabá como indigente porque não tinha família em Barra do Bugres –, o animal continuou indo até a unidade de saúde e acabou conquistando a simpatia de funcionários da unidade. Segundo a enfermeira e o maqueiro da unidade, a cadelinha chegou a ser adotada três vezes, mas sempre escapava do novo lar e voltava ao hospital.

Agora, a cadelinha se encontra em um 4º lar adotivo e ganhou um novo nome: “Dorinha”. O atual dono do animal preferiu não se identificar, mas disse que se comoveu com a história da cadelinha e quis por um fim à sua dor. Segundo o rapaz, Dorinha não pode encontrar o portão aberto, do contrário, volta ao hospital onde viu o primeiro dono pela última vez. De acordo com o rapaz, ele já foi buscá-la algumas vezes na unidade de saúde.

Na cidade de aproximadamente 332 mil habitantes, Dorinha virou quase uma celebridade, chegando a ser alimentada por amigos que fez na época em que passou os dias na unidade da saúde. Agora, no novo lar, o rapaz que a adotou disse que tenta, diariamente, conquistar a confiança do animal, fazendo com que ela se acostume com ele também.

 

Fonte: Gazeta do Povo