COM 48% DOS VOTOS, IVAN É ELIMINADO DO BBB 13

 

Com 48% dos votos do público, o novato Ivan se tornou o sexto eliminado do “BBB13” na noite desta terça-feira (19). Indicado pela casa, o professor foi escolhido para deixar o reality em uma disputa contra o casal Kamilla e Eliéser.  

A votação do terceiro paredão triplo do "BBB13" bateu o recorde da edição, com mais de 75 milhões de votos. Eliéser teve 44% dos votos e Kamilla, 8%.

 

Ao deixar a casa, Ivan foi questionado por Pedro Bial sobre o que aprendeu dentro do confinamento e disse que descobriu no reality que também pode ser caloroso com as pessoas. “Eu nunca fui caloroso e lá dentro descobri que consigo ser assim. Foi uma coisa espontânea, diferente”.

Em entrevista coletiva após a eliminação, ele declarou que chegou a acreditar que teria a fama de vilão fora da casa.

"Tenho orgulho da minha conduta, agi com integridade. Achei que pudesse ter sido o vilão, mas pelo visto isso não aconteceu", disse o brother em conversa com jornalistas.

Ele ainda apontou Eliéser como o grande jogador da casa. "Mas não acho que o romance dele com a Kamilla seja falso, só achei repentino. Acho que a única coisa que não teria feito foi falar sobre o Eliéser no dia da eliminação da Marien. Peguei pesado, podia ter minimizado as palavras".

Antes do anúncio da eliminação, Bial perguntou o que Ivan gostaria de dizer aAndressa, sua maior amiga na casa, caso saísse. "Ela sabe que eu tive muita sorte de encontrar ela aqui. Eu sinto que achei uma irmãzinha", declarou à colega.

Durante seu discurso, o apresentador usou regionalismos do Pará e do Paraná, estados de Kamilla e Eliéser, e palavras em inglês, idioma ensinado por Ivan. "Dessa vida só se leva o rock, o jazz, com suingue funk. Mas é punk. Às vezes, tudo que nos resta é um velho blues. O último líder vence. Game over, bye bye, professor", falou Bial.

Segundo paredão
O brother foi para a berlinda ao receber votos de AndréFernanda e de seus dois oponentes no paredão. Eliéser, um dos maiores adversários de Ivan no jogo, já havia declarado que gostaria de enfrentar o paulista no paredão, como forma de medir a recepção do público ao grupo do rival, formado por ele, Nasser e Andressa.

Ivan foi o primeiro participante do “BBB13” a sobreviver a um paredão. Na primeira semana do jogo, ele foi indicado, também pela casa, para disputar a preferência do público com a carioca Aline, que foi eliminada.

Confidente de Nasser e Andressa, o professor tentou ajudar a resolver várias brigas do casal e foi colocado por Pedro Bial como membro de um triângulo amoroso por conta de sua proximidade com a esteticista. Os comentários não chatearam Vanessa, namorada de Ivan há nove anos, que disse saber que o brother e Andressa são apenas amigos.

Apesar de não ter se envolvido em nenhuma polêmica dentro da casa, o brother costumava analisar o jogo e as atitudes dos outros participantes da casa, tendo inclusive sido chamado de “síndico” por Bial.

Quando Kamilla indicou Marien, por exemplo, ele saiu em defesa da amiga e disse que a miss havia sido “escrota” em sua indicação. Ele também criticou Eliéser por ter se afastado da dançarina, afirmando que ela havia sido “usada” pelo brother.