FAUSTÃO SE DEFENDE DE RACISMO CONTRA BAILARINA DE ANNITA

FAUSTÃO SE DEFENDE DE RACISMO CONTRA BAILARINA DE ANNITA

Faustão resolveu se defender das acusações de racista e preconceituoso, após a polêmica envolvendo uma das bailarinas da cantora Anitta. No programa deste domingo, 27, o apresentador disse que tudo não passou de uma brincadeira e criticou as pessoas que fizeram do comentário uma polêmica. "Não venham fazer provocação onde não tem", disse ele.

No programa do domingo passado, Faustão chamou o cabelo da dançarina Arielle de vassoura de bruxa e, desde então, o apresentador passou a ser alvo de críticas nas redes sociais.  

Pelo Facebook, Arielle chegou a dizer que tinha ficado ofendida com a situação mas, não se sabe porque, a moça apagou o comentário da rede social pouco tempo depois. Arielle é negra e usa o cabelo no estilo afro e na cor vermelha.

Na explicação que deu ao seu público neste domingo, Faustão chegou a declarar que ele é um dos poucos que falam abertamente que caráter e talento não estão relacionados com cor da pele, classe social, orientação sexual ou escolha de região e partido político. E por conta disso ele está fora da lista dos preconceituosos.

O apresentador ainda justificou a acusação de racista dizendo que mais da metade das pessoas que trabalham com ele são negros. E a maioria deles trabalha com ele por mais de 15 anos.

"Sobre o episódio do Faustão, fico muito feliz pelo carinho. Se me ofendi? Claro. Apelidos são o que mais recebo por aí. O racismo sempre vai existir. Ele se fortifica quando nos sentimos ofendidos. Eu tenho a minha forma de me manifestar quanto a isso. O cabelo é meu, a vida é minha e me acho linda. Isso é o mais importante! Não me deixo oprimir por nada e nem pela opinião de ninguém".