IDENTIFICADAS MENINAS ASSASSINADAS EM GOIÂNIA

IDENTIFICADAS MENINAS ASSASSINADAS EM GOIÂNIA

 

De acordo com informações obtidas com exclusividade pelo blog do Cleuber Carlos as vítimas foram identificadas como sendo: Rayane Kellry, 16 anos, Sinara Monteiro da Costa, 16 anos, Mylleide Morgana 19, anos e  Ana Kelly Martins Cardoso 18 anos. 

Segundo testemunhas e relatos de parentes. As garotas estavam  em um lugar chamado Passarela, próximo do setor Vera Cruz e foram levadas por dois rapazes em um carro prata. 

Sinara tinha um filho de 1 ano e havia sido ameaçada por um tal de Samuel, que é o principal suspeito de ter praticado a chacina.

 Mylleide estava grávida de 2 meses. O pai dela só soube da gravidez da filha quando compareceu a delegacia de homicídios. A polícia civil recebeu a informação que um dos rapazes que levou as garotas da festa  levou um tiro na tarde deste sábado, no entanto, o delegado Murilo Polatti não confirmou,  nem desmentiu esta informação que foi passada por uma amiga de uma das vítimas.

Segundo relatos de testemunhas Rayane Kellry saiu com as amigas pela primeira vez.


As quatro adolescentes tinham envolvimento com o mundo do crime.

 O delegado  Murilo Polatti, titular da Delegacia de Investigação de Homicídios, está trabalhando para chegar aos autores do crime e já ouviu parentes das vítimas que confirmaram o envolvimento delas com "bandidos". 

Apontando como  autor dos homicídios por testemunhas, "Samuel",  segundo a  polícia é integrante de uma quadrilha de roubo de carros na capital e já esteve preso.

Ele está jurado de morte por parentes das vítimas.

MORTES NO MUNDO DO CRIME

Muitas pessoas nesta hora, aproveitam para politizar em cima do crime.


Goiás não está entre os estados mais violentos do pais, mas está inserido dentro do contexto do Brasil.  Goiás aparece na 13ª posição no ranking da violência. O problema da violência e falta de segurança é um problema generalizado no Brasil. Onde neste pais podemos dizer que não tem problema de violência? 

Foto do perfil de Mylleide: Arma

O problema da violência não está relacionado somente com o trabalho da polícia, mas sim com a leis. 

A maioria dos crimes cometidos, como este, é praticado por bandidos que já foram presos pela polícia, mas,  infelizmente nossa legislação tratou de colocar nas ruas para continuar cometendo crimes.

Pode equipar a polícia, aumentar o efetivo, aumentar salários, mas enquanto não mudar radicalmente a legislação,  os bandidos continuarão livre para bater, roubar, assassinar e sair rindo depois de tudo. 

Com as leis atuais,  a polícia está trabalhando para enxugar gelo.