RACHEL SHEHERAZADE DEFENDE BOLSONARO E DIZ, ELE NÃO É ESTUPRADOR

RACHEL SHEHERAZADE DEFENDE BOLSONARO E DIZ, ELE NÃO É ESTUPRADOR

Na última terça-feira (16), Rachel Sheherazade fez mais um comentário polêmico, desta vez na rádio Jovem Pan.A jornalista se manifestou a respeito da declaração que o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) deu em plenário, no último dia 9, dizendo que não estupraria a deputada Maria do Rosário (PT-RS) porque ela não merecia.

Pelo discurso, a comentarista se mostrou a favor do político e fez questão de dizer que suas palavras haviam sido distorcidas pelos partidos opositores. “Não se sabe se por despeito ou por pura hipocrisia, cinco gatos pingados do PSOL [Partido Socialismo e Liberdade] deram as costas ao deputado Jair Bolsonaro em protesto. Agora, estão todos contra Bolsonaro: partidos de esquerda, as feminazis - ou melhor - feministas, as organizações de direitos humanos e congêneres”, iniciou.

Sheherazade ainda disse que o deputado não é um estuprador, e muito menos é a favor do estupro.“Ora, Bolsonaro pode ser muita coisa, mas definitivamente não é um estuprador. Aliás, é um ferrenho defensor da punição a estupradores. Para quem não sabe, é do deputado Jair Bolsonaro o projeto de lei que propõe a castração química de estupradores. A proposta, que foi apresentada em 2013 e que é do interesse maior da sociedade, principalmente das mulheres vítimas de violência sexual, repousa na Comissão de Constituição e Justiça desde julho”, afirmou.

Rachel encerrou seu discurso alegando que Bolsonaro disse a frase em tom de negação. “Eu quero voltar à frase polêmica dita por Bolsonaro. Ele disse: ‘Eu jamais iria estuprar você porque você não merece. ‘Jamais’ na língua portuguesa significa ‘nunca’, meus caros. É negação. ”Entretanto, a jornalista interpretou a segunda declaração do político, de que Maria do Rosário “não merece” ser estuprada, de outra forma, diferente da interpretação dada pela deputada e por seus defensores.

"Bolsonaro recusa o rótulo de estuprador imposto por Maria do Rosário e ainda diz: ‘Você não merece ser estuprada’. Nem ela, nem ninguém”, disse. Por fim, a comentarista ainda sugeriu que os acusadores de Bolsonaro deveriam processar Maria do Rosário também. “Se querem processar Bolsonaro por incitação ao crime, aproveitem e processem Maria do Rosário por calúnia e difamação ao ter acusado Bolsonaro de ser estuprador. Dona Maria atentou contra a honra do deputado. Se Maria não merece ser estuprada, Bolsonaro não merece ser taxado de estuprador”, concluiu.

 

Fonte: MSN